Duas pessoas morrem e um PM é ferido após criminosos invadirem mansão em SP com fuzis

Duas pessoas morrem após tiroteio entre policiais e suspeitos - Foto: Reprodução/TV Globo
Duas pessoas morrem após tiroteio entre policiais e suspeitos - Foto: Reprodução/TV Globo
  • Duas pessoas morrem e um PM é baleado após troca de tiros em São Paulo

  • Quadrilha invadiu mansões, fez moradores reféns e roubou bens valiosos

  • Houve perseguição e tiroteio, que terminou com três suspeitos presos

Duas pessoas morreram e um policial foi baleado após a invasão de criminosos armados com fuzis a uma mansão de São Paulo, que terminou em troca de tiros dos bandidos com os PMs.

Segundo informações do G1, os dois mortos eram suspeitos e faziam parte da quadrilha que cometeu o crime no bairro nobre paulistano do Morumbi.

Cinco pessoas invadiram a mansão pulando o muro de uma casa vizinha, que está abandonada e em obras. Lá, mantiveram um casal de advogados, moradores da residência, e uma empregada reféns, enquanto coletavam joias, dinheiro e bens valiosos.

Assim que percebeu a ação dos criminosos, porém, a empregada alertou um parente, com quem estava conversando por mensagens. O rapaz acionou a polícia, que foi ao local e surpreendeu os criminosos.

Perseguição, mortes e prisões

Os agentes encontraram os bandidos dando início à fuga em dois veículos. Teve início a troca de tiros e a perseguição que só terminou em Paraisópolis, para onde foi a quadrilha após o crime.

Dois suspeitos foram baleados e não resistiram aos ferimentos. Um PM recebeu tiro no pé, foi encaminhado ao Hospital Albert Einstein e não corre risco de morte.

As outras três pessoas envolvidas no crime foram detidas pelos policiais e encaminhadas à delegacia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos