Duas pessoas morrem em decorrência de incêndio em prédio na zona sul de SP

VICTÓRIA DAMASCENO
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Duas pessoas morreram em decorrência de um incêndio que atingiu um apartamento no bairro do Campo Belo, em São Paulo, na manhã desta sexta-feira, 19. As vítimas, um homem e uma mulher, morreram por parada cardiorrespiratória em decorrência da inalação de fumaça no 8º e no 13º andar. O fogo ocorreu no terceiro andar. A identidade delas não foi revelada até a publicação deste texto. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ambos chegaram a receber atendimento mas não resistiram e morreram no local. O óbito foi constatado pelo médico da Unidade de Suporte Avançado. O fogo começou por volta das 9h da manhã no segundo andar do Edifício Sky. O prédio tem 26 andares e fica na Rua Constantino de Souza, uma área residencial na zona sul da cidade. O incêndio provocou uma grande fumaça preta que ultrapassou o tamanho do prédio. De acordo com o Corpo de Bombeiros, dez veículos da corporação chegaram a ser usadas para atender a ocorrência. O morador e servidor público Rodrigo Bersot estava trabalhando quando o fogo começou. O que chamou sua atenção foi o cheiro de fumaça e a gritaria que ouviu no corredor. Ao abrir a porta, percebeu que a fumaça preta já havia tomado conta do sexto andar. "O alarme de incêndio não tocou e quando nós saímos já estava essa fumaça espessa", disse. Ao lado dos vizinhos, desceu pelo elevador. Em caso de incêndio, o indicado é descer pelas escadas. Ele conta que sabia da orientação, mas no momento agiu por instinto. O fogo foi controlado por volta das 11h, quando uma fumaça branca tomou conta do local. Os bombeiros ainda retiravam a fumaça. O prédio segue interditado.