Dunas brilhantes são fotografadas em Marte; entenda o fenômeno

·1 minuto de leitura

Ao contrário do que possa parecer, Marte possui muitas cores além de seu característico tom avermelhado. E a presença de diversos minerais na superfície marciana — ou abaixo dela — são reveladas em lindas cores registradas pela poderosa câmera HiRISE, a bordo da sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO).

Na primeira imagem, os minerais presentes em solo marciano aparecem expostos por conta de ravinas que se formaram pela erosão ao longo da lateral da cratera Kaiser. “Algumas dessas valas produzem uma variedade de cores que se destacam nas encostas voltadas para oeste (iluminadas), onde as valas parecem brilhar na luz do inverno”, explica a equipe responsável pela HiRISE.

(Imaagem: Reprodução/NASA/JPL/UArizona)
(Imaagem: Reprodução/NASA/JPL/UArizona)

Desde que chegou ao Planeta Vermelho em 2006, a bordo da sonda MRO, a HiRISE tem proporcionado imagens incríveis que revelam a variedade de cores e relevos da superfície marciana. A cratera Kaiser, localizada na região de Noachis Terra, tem sido um alvo frequente de estudos — e a equipe passou a perceber mudanças sazonais nestas paisagens, que sempre estão mudando.

(Imagem: Reprodução/NASA/JPL/UArizona)
(Imagem: Reprodução/NASA/JPL/UArizona)

Segundo os operadores da HiRISE, as dunas de areias gigantes da cratera Kaiser sofrem erosão nas partes mais íngremes todos os anos, à medida que o calor do Sol aquece essas encostas e evapora o gelo de dióxido de carbono. Noachis Terra é uma área localizada entre duas bacias de impacto gigantes em Marte: Argyre e Hellas. Noachis é considerada um dos relevos marcianos mais antigos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos