Dupla Cleber e Cauan se desculpa após críticas por show em casamento

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
A dupla sertaneja Cleber e Cauan. Foto: reprodução/Instagram/cleberecauan
A dupla sertaneja Cleber e Cauan. Foto: reprodução/Instagram/cleberecauan

Bastante criticada nas redes sociais, a dupla sertaneja Cleber e Cauan pediu desculpas após fazer um show em uma festa de casamento na sexta-feira (12), em Balneário Camboriú (SC). O registro do vídeo do evento, com aglomeração de pessoas sem máscara, provocou revolta.

Muitos internautas, que chamaram a atenção para o fato de Cauan Máximo ter sido internado por causa da Covid-19 em agosto do ano passado. Ele chegou a ser transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com 70% dos pulmões comprometidos. Em entrevista ao "Fantástico", o cantor declarou, inclusive, ter se arrependido de menosprezar a pandemia causada pelo novo coronavírus.

Leia também:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

No Instagram, os artistas se justificaram e afirmaram que não vão cancelar shows durante a pandemia. Segundo eles, o evento não era clandestino e teve fiscalização in loco da Vigilância Sanitária e da Polícia Militar.

"Diante desse cenário atual, sugerimos aos noivos que fizessem o teste de Covid nos convidados e isso aumentou ainda mais a segurança desse momento", afirmou Cauan, que atua em propaganda do governo de Goiás para alertar sobre os riscos da doença.

Cleber completou: "A gente tem mais 40 pessoas que dependem de Cleber e Cauan e conta com a compreensão de vocês, porque estando tudo dentro da lei, aprovado pela prefeitura e pelos órgãos competentes, a gente vai realizar o show, sim".

Em nota oficial, divulgada pelo site G1, a assessoria dos músicos, no entanto, diz que a "dupla sabe que errou ao contribuir para os momentos de aglomeração e pede desculpas, se solidarizando com o enfrentamento dessa pandemia que assola nosso país".

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.