Dupla sertaneja que fez jingle de Bolsonaro cantou para dono da Riachuelo em 2018

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A dupla sertaneja Mateus e Cristiano, que na semana passada lançou o jingle ''Capitão do Povo" para a campanha de Bolsonaro (PL), é uma conhecida antiga entre empresários do núcleo mais próximo do presidente.

No início de 2018, os músicos fizeram jingle para Flávio Rocha, da Riachuelo, quando o empresário planejava se candidatar à presidência naquela eleição.

Na sexta-feira (20), quando Bolsonaro lançou a nova música, estava acompanhado de Luciano Hang, dono da Havan.

O lançamento do jingle foi feito no mesmo evento da visita do bilionário Elon Musk, que também teve a presença de outros grandes nomes do setor privado, como André Esteves (BTG Pactual) e Zeco Auriemo (JHSF).

As redes sociais de Mateus e Cristiano também mostram uma música para a marca de arroz e feijão Broto Legal, em 2018. A companhia foi vendida recentemente por Washington Cinel, dono da Gocil, outro empresário que também circula no entorno que Bolsonaro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos