É falso que vídeo mostra suposta fala de Bolsonaro após derrota

Presidente Jair Bolsonaro (PL) votando no segundo turno da disputa presidencial em 30 de outubro de 2022. O mandatário foi derrotado e não conseguiu se reeleger (Foto: Pool via Reuters / Bruna Prado)
Presidente Jair Bolsonaro (PL) votando no segundo turno da disputa presidencial em 30 de outubro de 2022. O mandatário foi derrotado e não conseguiu se reeleger (Foto: Pool via Reuters / Bruna Prado)

Um vídeo do presidente Jair Bolsonaro (PL) circula nas redes sociais, com mais de 290 mil interações, como se mostrasse um pronunciamento sobre a sua derrota para o presidente eleito neste domingo (30) Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O registro, porém, é da última quarta-feira (26) e diz respeito à acusação feita por sua campanha sobre a inserção de suas campanhas em rádios no Nordeste. Até o momento, Bolsonaro não se pronunciou sobre a sua derrota nem parabenizou Lula por sua vitória.

Captura de tela de um vídeo com suposto pronunciamento de Jair Bolsonaro (PL) sobre sua derrota para Lula (PT) no segundo turno de 2022 (Foto: Kwai / Reprodução)
Captura de tela de um vídeo com suposto pronunciamento de Jair Bolsonaro (PL) sobre sua derrota para Lula (PT) no segundo turno de 2022 (Foto: Kwai / Reprodução)

Uma busca no Google pela frase que aparece no rodapé da imagem "Bolsonaro dá entrevista agora em Brasília" e pelo nome da emissora "CNN", que também aparece na imagem, direcionou o vídeo original:

Na entrevista, Bolsonaro tratava sobre a suposta fraude que teria deixado de reproduzir algumas de suas peças de campanha eleitoral em rádios no Nordeste. O vídeo é do dia 26 de outubro de 2022, quatro dias antes da votação do segundo turno.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) extinguiu a ação da coligação de Bolsonaro sobre o assunto, por considerar que não houve provas suficientes. O documento enviado por sua campanha, apresentou diversas fragilidades como a indicação da frequência errada de rádios, bem como a inclusão de canais que afirmaram ter colocado as campanhas no ar.

Até o momento, Jair Bolsonaro não se pronunciou sobre sua derrota. Somente seu filho Flávio Bolsonaro assumiu a derrota nesta segunda-feira (31). “Obrigado a cada um que nos ajudou a resgatar o patriotismo, que orou, rezou, foi para as ruas, deu seu suor pelo país que está dando certo e deu a Bolsonaro a maior votação de sua vida! Vamos erguer a cabeça e não vamos desistir do nosso Brasil! Deus no comando!”, escreveu o senador nas redes sociais.