Economistas projetam que ritmo de corte da Selic vai acelerar a 1 p.p. em abril

Prédio do Banco Central, em Brasília. 15/01/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino

SÃO PAULO (Reuters) - O ritmo de corte da taxa básica de juros vai acelerar em abril, de acordo com economistas consultados na pesquisa Focus do Banco Central, que ainda reduziram as expectativa para a inflação este ano e para a Selic em 2018.

Os especialistas consultados passaram a ver na reunião de abril do BC um corte de 1,0 ponto percentual da Selic, que atualmente está em 12,25 por cento. As duas últimas reduções promovidas pelo BC foram de 0,75 ponto cada.

Embora não tenha sido alterada a perspectiva de que a taxa básica de juros terminará este ano a 9,00 por cento, para 2018 houve redução a 8,50 por cento na estimativa da Selic, contra 8,75 por cento anteriormente.

O Top-5, grupo que reúne as instituições que mais acertam as projeções, vê a Selic ainda mais baixa em 2017, tendo cortado a estimativa a 8,5 por cento, de 9 por cento na semana anterior, tanto para este ano quanto para o próximo.

Já a expectativa de economistas para a inflação este ano caiu ainda mais. O levantamento com uma centena de economistas divulgado nesta segunda-feira mostrou que a expectativa para a alta do IPCA em 2017 agora é de 4,15 por cento, 0,04 ponto percentual a menos do que na semana anterior. Para 2018, a conta permanece sendo de inflação de 4,5 por cento.

Em relação ao crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), para este ano o levantamento manteve a expectativa de expansão de 0,48 por cento, enquanto para 2018 a projeção melhorou em 0,10 ponto, para 2,5 por cento.

(Por Camila Moreira)