Eduardo Bolsonaro diz que indicação está mantida e que está confiante

Nos últimos dias, Eduardo Bolsonaro tem feito peregrinação pelos gabinetes em busca de apoio para sua indicação - Foto: AP Photo/Eraldo Peres

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Eduardo Bolsonaro garantiu que não pensa em desistir de concorrer ao cargo de embaixador do Brasil nos EUA

  • Na manhã desta terça-feira (20), Jair Bolsonaro deu a entender que poderia voltar atrás na indicação do filho ao cargo na embaixada de Washington

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), aspirante a embaixador brasileiro em Washington, nos Estados Unidos, afirmou na tarde desta terça-feira (20) que sua indicação ao posto está mantida. Com passo apressado rumo a mais um gabinete no Senado Federal no meio da tarde, o filho do presidente da República disse que está “confiante” em sua indicação.

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO INSTAGRAM

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO FLIPBOARD

Na manhã de hoje, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse que não submeteria seu filho a um “fracasso” e poderia voltar atrás caso o nome de Eduardo não tivesse apoio suficiente dos senadores. Eduardo, entretanto, nega e diz que não teve qualquer conversa deste tipo com seu pai. “Essa hipótese [retirada da indicação] não foi cogitada. Estão tentando dar contornos de veracidade em um fato que nunca existiu”, afirmou o deputado. “Continuo confiante e esperançoso”, completou.

Leia também

O deputado não quis revelar qual senador iria visitar quando foi abordado. Nos últimos dias, Eduardo Bolsonaro tem feito peregrinação pelos gabinetes em busca de apoio para sua indicação.

O presidente vem sendo criticado desde que anunciou o nome de seu filho como possível embaixador do Brasil nos EUA. Na noite desta segunda, Alexandre Frota, expulso há uma semana do PSL, foi o crítico mais recente da indicação de Bolsonaro.