Eduardo Bolsonaro: 'Weintraub é o melhor ministro da Educação de todos os tempos'

Bruno Góes e Natália Portinari
Foto: REUTERS/Adriano Machado

O líder do PSL na Câmara, Eduardo Bolsonaro (SP), defendeu nesta terça-feira a gestão do ministro da Educação, , Abraham Weintraub . Após elogiar a atuação de Weintraub, o deputado relacionou o conflito entre o ministro e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a uma disputa por indicação de cargo.

Weintraub é criticado por parlamentares pela "agressividade" em postagens nas redes sociais e pelas falhas na correção de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Leia também

— Para mim, é o melhor ministro da Educação de todos os tempos — disse Eduardo Bolsonaro a jornalistas, após discursar em plenário.

Na segunda-feira, Maia criticou o ministro da Educação pela sua atuação à frente da pasta e nas redes sociais. O presidente da Câmara disse que não possível negociar com que levanta a bandeira do ódio.

Eduardo Bolsonaro sugeriu que o conflito é fruto da indicação de um aliado de Maia para presidir o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Rodrigo Sergio Dias, aliado de Maia, ficou apenas quatro meses no cargo.

— O ministro Weintraub e o presidente Rodrigo Maia têm um atrito por conta do FNDE. É isso que está acontecendo. Isso daí é desdobramento normal desse atrito — avaliou o deputado.

Eduardo Bolsonaro disse ainda que o ministro não estimula o ódio.

— Não, eu conheço o ministro, não acho que o ministro tenha (levantado a bandeira do ódio)... o ministro é extremamente educado, muitas pessoas acabam por criticar ele (sic) por conta da liturgia do cargo, mas no passado, enquanto estavam roubando bilhões dos cofres públicos, o pessoal não reclamava tanto com relação à liturgia do cargo.