Eduardo Cunha será denunciado nesta quarta por corrupção e lavagem de dinheiro, diz jornal

O Ministério Público Federal apresentará denúncia contra o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara, por corrupção e lavagem de dinheiro. O procedimento deverá ser concluído ainda nesta quarta-feira (19). As informações são do jornal O Globo.

A denúncia que será apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF) tem como base a acusação feita pelo empresário Júlio Almeida Camargo. Ele confessou ter pago US$ 5 milhões em propinas ao deputado do PMDB, que por sua vez nega a participação no crime.

Condenado a 14 anos de prisão, Camargo conseguiu mudar sua pena para regime aberto diferenciado por conta da delação premiada. As citações a Cunha foram enviadas para a Procuradoria Geral da República e deram origem ao inquérito contra o deputado no STF.

Em seus primeiros depoimentos, Camargo não tocou no nome de Cunha. A menção ao presidente da Câmara só aconteceu quando suas falas foram confrontadas com as do doleiro Alberto Youssef. A partir desse momento, ele prometeu todos os detalhes sobre o suborno para Cunha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos