Eduardo Girão desiste e anuncia apoio a Rogério Marinho

*ARQUIVO* Brasília, DF - 19/04/2022 - Foto, Senador Eduardo Girão (Podemos). Nesta terca (19) os Senadores votam em plenário do Senado Federal a PL 3.825/2019 referente ao Projeto de Lei para regularização da Criptomoedas no país. (FOTO: Antonio Molina/Folhapress)
*ARQUIVO* Brasília, DF - 19/04/2022 - Foto, Senador Eduardo Girão (Podemos). Nesta terca (19) os Senadores votam em plenário do Senado Federal a PL 3.825/2019 referente ao Projeto de Lei para regularização da Criptomoedas no país. (FOTO: Antonio Molina/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O senador bolsonarista Eduardo Girão (Podemos-CE), que se apresenta como independente, decidiu retirar a sua candidatura em favor de Rogério Marinho, já com a sessão em andamento. Girão fez um discurso como candidato, criticando principalmente o que descreveu como a "sobreposição de um Poder sobre o outro".

No entanto, ao final, anunciou que não participará da eleição.

"Agora é hora de o coração falar mais alto. O que está em jogo é o destino de nossos filhos e netos", afirmou Eduardo Girão

"Fiz a minha parte para viabilizar essa candidatura, mas reconheço que não foi possível. E, se há alguém com mais chances de garantir essa alternância de poder, mesmo não defendendo tudo o que penso e proponho [...] é o senador Rogério Marinho", completou.