EFE BRASIL - 19 MAR 2018

A Agência Efe enviará nos próximos instantes a seguinte crônica:.


TUNÍSIA ATENTADO - Túnis - Três anos depois do atentado que matou 22 turistas estrangeiros e deu início a uma onda de ataques jihadistas na Tunísia, Aladin Hamdi, conhecido como "o herói do Bardo" por ter ajudado no resgate de reféns em um museu, se sente marginalizado, ameaçado e tem vontade de fugir. Por Natalia Román Morte. EFE