Eleição no Fluminense: Oposição entra no último dia de registro sem acordo de união e tentando apoio de Pedro Antônio

A eleição do Fluminense vive um momento decisivo nesta terça-feira. Isso porque é o último dia para o registro das chapas e, se de um lado o atual presidente Mário Bittencourt já garantiu presença no pleito, a oposição tenta acertar os últimos detalhes e têm duas questões em aberto: a falta de um acordo para união e a busca pelo apoio de Pedro Antônio. Rafael Rolim e Marcelo Souto são os pré-candidatos e o pleito ocorre no dia 26 de novembro.

Para registrar a chapa, Rolim e Souto precisarão conseguir 200 assinaturas de sócios do clube – sem contar a modalidade sócio-futebol. Um mesmo sócio não pode assinar para dois candidatos diferentes. Essas assinaturas são importantes não apenas para o registro de chapa, mas porque os 150 primeiros nomes são eleitos para o Conselho Deliberativo, enquanto os outros 50 ficam como suplentes.

O EXTRA entrou em contato com as equipes de Rafael Rolim e Marcelo Souto e ambos garantiram já terem as 200 assinaturas necessárias para registrar chapa. No entanto, ambas desconversam sobre uma união entre membros da oposição.

Pelo lado da equipe de Marcelo Souto, o sentimento é de que não há mais tempo hábil para uma união da oposição porque foram três semanas de tentativas negociação e nenhum acordo foi concluído. Também ficaria difícil para definir os membros do Conselho em tão pouco tempo. O vice-presidente será Sergio Poggi.

Já pelo lado de Rafael Rolim, algumas reuniões serão feitas nesta terça-feira para definir quem será o vice-presidente da chapa. De acordo com a equipe do pré-candidato, três nomes ainda são debatidos.

No entanto, Rolim ainda aguarda por Pedro Antônio. O ex-vice-presidente de Projetos Especiais nas gestões Peter Siemsen e Pedro Abad aceitou o convite de Rolim para participar da chapa e ainda estudam a melhor posição para ele ficar à frente.

O Fluminense já tem uma chapa registrada para a eleição do dia 26 de novembro. Trata-se da “Com Amor e Com Vigor!”, do atual presidente e candidato à reeleição, Mário Bittencourt. Mário registrou no último sábado, na secretaria, a chapa com a assinatura de 200 sócios. Com Matheus Montenegro como vice, Mário concorre à reeleição para o triênio 2023-2025.