Eleições e Copa do Mundo lideraram as buscas no Google em 2018

Rafael Rodrigues da Silva
Os maiores eventos do futebol e da política foram os responsáveis pela maior parte dos termos procurados no Brasil em 2018, que também teve como destaques a greve dos caminhoneiros e a morte de Stan Lee

Como acontece todos os anos, a Google divulgou nesta quarta (12) quais foram os termos mais procurados no buscador da empresa por usuários aqui do Brasil e, como esperado, eles tiveram bastante relação com o que acontecia no país e no mundo fora da internet.

Como podemos imaginar, as eleições de 2018 tiveram bastante influência nos termos mais buscados. “Eleições 2018” e o nome dos candidatos “Jair Bolsonaro” e “Fernando Haddad”, além do ex-presidente “Luiz Inácio Lula da Silva”, aparecem entre os dez assuntos mais procurados no Google. Mas a política também pode ser encontrada em vários outros tópicos: “por que votar no Bolsonaro?”, “por que não votar no Bolsonaro?”, “por que o Amoedo não participa dos debates?”, “o que é facismo?”, “o que é intervenção militar?” e “o que é Ursal?” estão entre as perguntas que mais foram feitas pelos usuários em 2018, o que mostra bem como a política esteve presente no interesse da população.

Mas existiu um outro assunto que foi ainda mais pesquisado do que as eleições: a Copa do Mundo de 2018. O maior campeonato de futebol entre seleções não apenas liderou a lista de eventos, mas também foi o termo mais buscado no geral. Além disso, os craques do torneio também ficaram entre os termos mais procurados do ano, e os únicos da lista dos dez atletas mais procurados que não jogaram o mundial foram o lutador de MMA Lyoto Machida e o atacante do Flamengo Henrique Dourado. Curiosamente, Neymar não ficou este ano entre os atletas mais buscados pelos usuários no Google, mas pesquisas sobre o jogador caindo e rolando no gramado ficaram no quinto lugar das pesquisas mais populares do ano.

Outro evento que teve bastante procura foi a Greve dos Caminhoneiros, que não só foi o terceiro acontecimento do ano mais procurado no site, como também colocou “como fazer gasolina?” na lista das perguntas mais feitas pelos usuários.

Já entre os filmes, o longa de terror A Freira superou o número de procuras de outros grandes lançamentos do ano, como Deadpool 2, Vingadores: Guerra Infinita e Pantera Negra. Já entre as séries, La Casa de Papel continua sendo a preferida entre os brasileiros, e encabeça a lista das mais buscadas, sendo seguida de perto por Elite (drama adolescente que conta com vários dos atores de La Casa de Papel). Agora, entre as personalidades que não estão ligadas à política, a único que conseguiu aparecer na lista dos dez termos mais buscados de forma geral foi o quadrinista Stan Lee, cuja morte neste ano foi a grande responsável pelo aumento das buscas por seu nome.

Os dados do Google também mostram que o brasileiro se esforçou para ser alguém responsável neste ano, e algumas das dúvidas mais pesquisadas foram “como fazer slime” (um brinquedo que se tornou febre entre as crianças) e “como fazer declaração de Imposto de Renda 2018”. Outro dado curioso é que, neste ano, a Copa São Paulo de Futebol Junior (campeonato semi-amador, com times formados por apenas por jogadores menores de 20 anos) teve mais procura do que o Campeonato Brasileiro (principal torneio de futebol do país).

Mais dados sobre o que foi procurado no Google em 2018 podem ser acessados no Google Trends.

Fonte: Canaltech