Eleições municipais 2020: veja resultados nas capitais do Brasil

·2 minuto de leitura
cidadão votando em urna eletrônica
cidadão votando em urna eletrônica

Atualizado às 3h54

Neste domingo, a população brasileira foi às urnas para eleger prefeitos e vereadores em 5.568 municípios do país.

Os resultados começaram a ser divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a partir das 17h, no horário de Brasília, quando terminou a votação em grande parte do território nacional.

Leia também

A apuração dos votos atrasou na noite desse domingo. Segundo o TSE, os dados estão chegando normalmente dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) dos Estados — mas a operação de totalização, em Brasília, não foi tão rápida quanto o órgão esperava.

Nesta página, a BBC News Brasil mostra o resultado das capitais do país a cada definição.

São Paulo:

Bruno Covas (PSDB): 32,85% (Segundo turno)

Guilherme Boulos (PSOL): 20,2% (Segundo turno)

Rio de Janeiro

Eduardo Paes (DEM): 37% (Segundo turno)

Marcelo Crivella (Republicanos): 21% (Segundo turno)

Belo Horizonte:

Alexandre Kalil (PSD): 63% (Reeleito)

Bruno Engler (PRTB): 9%

Vitória

Delegado Pazolini (Republicanos): 30% (Segundo turno)

João Coser (PT): 21% (Segundo turno)

Recife

João Campos (PSB): 29% (Segundo turno)

Marília Arraes (PT): 27% (Segundo turno)

Aracaju

Edvaldo (PDT): 45% (Segundo turno)

Delegada Danielle (Cidadania): 21% (Segundo turno)

Natal:

Álvaro Dias (PSDB): 57% (Reeleito)

Senador Jean: 14%

Fortaleza

José Sarto (PDT): 35% (Segundo turno)

Capitão Wagner (PROS): 33% (Segundo turno)

Salvador

Bruno Reis (DEM): 64% (Eleito)

Major Denice (PT): 18%

João Pessoa

Cícero Lucena (PP): 20% (Segundo turno)

Nilvan (MDB): 16% (Segundo turno)

São Luís

Eduardo Braide (Podemos): 37% (Segundo turno)

Duarte Junior (Republicanos): 22% (Segundo turno)

Teresina

Dr. Pessoa (MDB): 34% (Segundo turno)

Kleber Montezuma (PSDB): 26% (Segundo turno)

Curitiba

Rafael Greca (DEM): 59% (Reeleito)

Goura (PDT): 13%.

Florianópolis

Gean Loureiro (DEM): 53% (Reeleito)

Professor Elson (PSOL): 18%

Porto Alegre

Sebastião Melo (MDB): 31% (Segundo turno)

Manuela D'Ávila (PCdoB): 29% (Segundo turno)

Belém

Edmilson (PSOL): 34% (Segundo turno)

Delegado Federal Eguchi (Patriotas): 23% (Segundo turno)

Rio Branco

Tião Bocalom (PP): 49% (Segundo turno)

Socorro Neri (PSB): 22% (Segundo turno)

Manaus

Amazonino Mendes (Podemos): 23% (Segundo turno)

David Almeida (Avante): 22% (Segundo turno)

Palmas

Cinthia Ribeiro (PSDB): 36% (Eleita)

Professor Júnior Geo (Pros): 14%

Porto Velho

Hildon Chaves (PSDB): 34% (Segundo turno)

Cristiane Lopes (PP): 14% (Segundo turno)

Boa Vista:

Arthur Henrique (MDB): 49% (Segundo turno)

Ottaci (Solidariedade): 10% (Segundo turno)

Campo Grande

Marquinhos Trad (PSD): 52% (Eleito)

Promotor Harfouche (Avante): 11%

Cuiabá

Abílio (Podemos): 33% (Segundo turno)

Emanuel Pinheiro (MDB): 30% (Segundo turno)

Goiânia

Maguito Vilela (MDB): 36% (Segundo turno)

Vanderlan Cardoso (PSD): 24% (Segundo turno)

Maceió

Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB): 29% (Segundo turno)

João Henrique Caldas (PSB): 28% (Segundo turno)

Macapá

As eleições na capital do Amapá foram adiadas por causa do apagão de energia elétrica.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!