Eleições 2022: "Analise sua vida nos últimos 10 anos", provoca youtuber Gabi Oliveira

A influenciadora e produtora de conteúdo Gabi Oliveira, do canal DePretas, sugere um exercício interessante para o momento pré-eleição: "Pega um papel, faz uma análise da sua vida nos últimos dez anos, em todos os sentidos: onde você morava e onde mora; o que você comia, o que você come hoje; como você se transportava; como está sua cidade, quais eram seus sonhos, sua esperança, etc".

Segundo Gabi, a tarefa ajuda a entender como as decisões politicas e o poder público influenciaram a rotina dos brasileiros nos últimos anos. "É uma reflexão que a gente precisa ter. Desde a rua asfaltada até o índice de pessoas que moram nas comunidades, como que estão sendo as operações", complementa.

Gabi é a primeira convidada do podcast "Y aí?", novo projeto do Yahoo. Comandando pelas jornalistas Ailma Teixeira, Bruna Calazans, Edda Ribeiro e Gabriela Feitosa, o produto quer falar com o público mais jovem sobre política de forma descontraída, mas de qualidade. “A proposta é colocar em debate temas que são importantes neste período e ideias que precisam ser consideradas antes de apertar o ‘confirma’ nas urnas”, explica a repórter Bruna Calazans.

Mais

Outro fato inegável nestas eleições é o poder das redes sociais durante o processo. Pode ser no Instagram, nas threads virais do Twitter ou mesmo nos vídeos curtinhos do TikTok: todo mundo quer opinar. “O ‘Y aí?’ está ligado a esse fenômeno, e sabemos que a juventude está nas dancinhas do TikTok, mas também estará nas urnas. Nós queremos desenrolar, bater e jogar de ladinho tanto quanto queremos um Brasil bem informado e saudável”, complementa a apresentadora.

Produzir conteúdo jornalístico responsável nesses tempos onde quase tudo é rápido e superficial é um dos principais desafios do novo projeto do Yahoo, que chega nas ruas com o primeiro episódio 'Influenciadores e Política: o que tem a ver?'. “Mas é importante trazer luz para o seguinte: nem tudo dá para resumir numa thread. Temos muito em jogo este ano. É óbvio que não queremos que nossos ouvintes fiquem ouvindo 3 horas de jornalistas discutindo sobre um assunto mega denso. Para isso, convidamos pessoas que conversam com a internet para debater assuntos como fake news, legislativo e muito mais”, conclui Bruna.

Confira o primeiro episódio do podcast: