Eleitores do Mississipi aprovam nova bandeira sem símbolo racista

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os eleitores do Mississipi aprovaram nesta terça-feira (3) uma nova bandeira do estado estampando uma magnólia, meses depois de o estado sulista retirar sua antiga bandeira contendo um símbolo confederado. A bandeira de Mississipi foi a última nos Estados Unidos a incluir o símbolo da Confederação, um conjunto de estados do sul onde a escravidão era legal e que se separou da união em 1860. A avaliação dos que queriam a exclusão do símbolo é que ele tem conotações racistas. Sulistas, por outro lado, argumentam ser um símbolo do patrimônio regional. A imprensa americana reportou que os eleitores do estado apoiaram o novo desenho da bandeira, que também traz a inscrição "In God We Trust" (Confiamos em Deus). A antiga bandeira foi retirada durante o verão, quando explodiram nos Estados Unidos os maiores protestos em décadas contra o racismo e a violência policial. O movimento por justiça racial no país também resultou na retirada de estátuas de personalidades dos confederados, tanto formalmente por autoridades locais, quanto derrubadas pelos manifestantes.