Elogiado por Neymar, Diniz já enfrentou o astro em partida do Paulistão; relembre como foi

Após classificar o Fluminense para as quartas de final da Copa do Brasil, Fernando Diniz recebeu um elogio importante: de Neymar Júnior. O astro da seleção brasileira e do PSG usou as suas redes sociais para elogiar o trabalho do treinador após a vitória por 3 a 0 sobre o Cruzeiro, no Mineirão. Além da observação dos jogos do tricolor, o camisa 10 também tem outro motivo para gostar do treinador: eles já se enfrentaram oficialmente em uma oportunidade.

Sem óculos 3D: Entenda o que é 'visão dupla', sintoma que fez com que Fred aposente

417 e contando: Veja o Raio-X de todos os gols da carreira de Fred

Maior da história? Fred se despede alimentando debate sobre sua colocação no panteão de ídolos do Fluminense

O encontro entre eles aconteceu no Campeonato Paulista de 2010, em jogo válido pela 12ª rodada do torneio. Curiosamente, foi a única vez que estiveram frente a frente em uma partida oficial. Diniz já era treinador e comandava o Paulista de Jundiaí, enquanto Neymar estava no Santos e recém havia sido promovido aos profissionais.

A equipe paulista, que viria a conquistar o Paulisão naquele ano, acabou levando a melhor: venceu por 3 a 2, de virada. Neymar não marcou, aliás, acabou sendo substituído aos 20 minutos do segundo tempo para entrada de Robinho. O craque, inclusive, ainda usava a camisa 17 no Peixe.

Além do encontro entre Diniz e Neymar, a dupla também dividiu palco com vários personagens que estão em alta hoje. Paulo Henrique Ganso, por exemplo, foi o autor do segundo gol do Santos naquela partida. Hoje, é o camisa 10 do Fluminense e peça fundamental na equipe de Fernando Diniz.

Já o Paulista contava com Samuel Xavier, que O GLOBO já contou a história que o hoje lateral-direito do Fluminense iniciou a carreia como meia, mas se tornou lateral devido a um pedido de Fernando Diniz. Nesta partida, ele começou no banco de reservas e não entrou.

Completando os placares, o Santos venceu por 3 a 2. Diego Barboza abriu o placar para o Paulista, mas Wesley e Ganso viraram. Julinho até empatou de novo para a equipe de Jundiaí, mas Robinho definiu a vitória do Peixe.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos