Elon Musk envia carta ao Twitter pedindo fim da batalha judicial

Musk oficializa retorno do processo de compra do Twitter em carta enviada à empresa (Chesnot/Getty Images)
Musk oficializa retorno do processo de compra do Twitter em carta enviada à empresa (Chesnot/Getty Images)
  • Porta-voz do Twitter disse que empresa tem a intenção de concluir a transação;

  • Valor de compra volta a ser o previamente acordado, de US$ 54,20 por ação;

  • Confira na íntegra o conteúdo da carta escrita por Musk.

Elon Musk oficializou os rumores de que pretendia voltar com o processo de compra do Twitter, pelo preço estabelecido em abril de 2022 de US$ 44 bilhões. Em uma carta enviada à empresa, o bilionário pede o fim do litígio entre as duas partes, que corre no Tribunal de Chancelaria de Delaware.

Através de um porta-voz, o Twitter confirmou o recebimento da carta, e diz que está analisando e que provavelmente irá aceitar a venda da empresa por US$ 54,20 por ação. "Recebemos a carta das partes de Musk que eles registraram na SEC", disse o porta-voz. "A intenção da empresa é concluir a transação."

A carta foi enviada pelo advogado de Musk, Mike Ringler, da firma Skadden, Arps, Slate, Meagher & Flom e arquivada confidencialmente no Tribunal de Chancelaria de Delaware no dia seguinte. Se ambas partes chegarem a um acordo, este pode ser o fim de uma batalha pública entre o CEO da Tesla e o Twitter que durou meses.

Confira a carta de Musk na íntegra

Cavalheiros:

Em nome da X Holdings I, Inc., X Holdings II, Inc. e Elon R. Musk (as "Partes Musk"), escrevemos para notificá-lo de que as Partes Musk pretendem proceder ao fechamento da transação contemplada pelo 25, 2022 Acordo de Fusão, nos termos e sujeitos às condições nele estabelecidas e pendente do recebimento do produto do financiamento da dívida contemplado por ele, desde que o Tribunal da Chancelaria de Delaware dê uma suspensão imediata da ação, Twitter vs. Musk, et al. (C.A. No. 202-0613-KSJM) (a "Ação") e adiar o julgamento e todos os outros procedimentos relacionados a ele pendentes de tal encerramento ou outra ordem do Tribunal.

As Partes Musk fornecem este aviso sem admissão de responsabilidade e sem renúncia ou prejuízo a qualquer um de seus direitos, incluindo o direito de reivindicar as defesas e reconvenções pendentes na Ação, inclusive no caso de a Ação não ser suspensa, o Twitter falhar ou recusar para cumprir suas obrigações nos termos do Contrato de Incorporação de 25 de abril de 2022 ou se a transação contemplada por ele não for concluída.