Em discurso, Fux diz que não há espaço para 'amedrontamento' do STF

·1 minuto de leitura

BRASÍLIA — O minsitro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta quarta-feira que "nunca houve e nem haverá qualquer espaço para o desânimo ou amedrontamento por parte deste Tribunal", mesmo diante "dos inúmeros desafios político-institucionais". O minsitro fez um discurso para marcar o aniversário de um ano à frente do Supremo.

— Na qualidade de Presidente desta Suprema Corte, impõe-se-me externar que, mesmo diante de todo o sofrimento vivenciado pelo povo brasileiro durante esse período de pandemia, mesmo diante dos inúmeros desafios político-institucionais enfrentados, nunca houve – e nem haverá – qualquer espaço para o desânimo ou amedrontamento por parte deste Tribunal, porquanto seguimos conscientes e firmes no nosso propósito/ de salvaguardar o regime democrático e a higidez do texto constitucional, qualquer que seja o preço político que tenhamos de pagar — afirmou.

O STF esteve no centro de uma crise institucional com o presidente Jair Bolsonaro, que faz uma série de ataques à Corte em razão de medidas tomadas durante a pandemia e por decis!oes envolvendo seus apoiadores.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos