Em entrevista a rádio uruguaia, Arrascaeta fala sobre renovação com o Flamengo: 'Tem muita vontade que eu esteja aqui'

·1 minuto de leitura

Em rápida entrevista à rádio uruguaia "Sport 890", o meia Arrascaeta, do Flamengo, falou sobre o processo de renovação de contrato com o clube após a vitória por 3 a 2 sobre o Vélez Sarsfield, pela estreia na Libertadores. Autor de um dos gols da partida, o camisa 14 reforçou a vontade em permanecer e garantiu estar feliz.

— Estamos conversando com o Flamengo sobre a renovação. O clube tem muita vontade que eu esteja aqui e estou em um grande momento da vida. Tenho contrato até dezembro de 2023. Existe a vontade de se provar na Europa, mas sou muito feliz no Rio de Janeiro e jogar em uma potência como o Flamengo é um privilégio — disse o jogador.

Na entrevista, Arrascaeta lamentou a queda do Defensor Sporting, clube uruguaio que o revelou, e disse torcer pela volta à elite. O meia também avaliou a vitória rubro-negra na estreia do continental.

— É fundamental começar ganhando, mais ainda contra um grande adversário como o Vélez. Por sorte, começamos bem. Sabemos que somos um dos elencos mais fortes da América e temos a responsabilidade de voltar a brigar pelo título — afirmou.

Arrascaeta e sua equipe vêm tratando internamente sobre a renovação de seu vínculo, que hoje tem multa de 40 milhões de euros. Em meio ao imbróglio pela renovação, o jogador chegou a perder o clássico contra o Vasco, com uma lesão no tornozelo direito. Após a vitória sobre os argentinos, o técnico Rogério Ceni elogiou o meia e falou sobre a situação:

— Conheço o caráter do jogador. Ele teve uma lesão no tornozelo, isso é verdade. Se recuperou bem, ficou tratando, e mostra seu talento. Para a gente, dentro de campo, não influenciou nada . Acho que é feliz aqui.