Em greve, mais de 700 guardas municipais já desfalcaram a Operação Carnaval

Guarda Municipal faz greve durante carnaval

Os guardas municipais do Rio entraram, nesta segunda-feira (24), no terceiro dia do movimento grevista durante o carnaval, desfalcando a operação especial para a data. Já são mais 700 agentes que aderiram.

Muitos guardas foram doar sangue no Hemorio e a hemocentros de outras cidades nesse período. A doação de sangue em massa vai até as 18h desta terça-feira (25).

Segundo a Associação Frente Manifestante, que representa a categoria, em algumas unidades da GM-Rio, a adesão ao movimento chega a 100%.

Os agentes reivindicavam principalmente o cumprimento das promoções previstas nas leis de plano de carreira; o reajuste do ticket-alimentação,  que está com o mesmo valor desde 2012; e a convocação dos concursados de 2012.

Em alguns pontos da cidade, servidores do Grupamento de Operações Especiais (GOE) foram vistos puxando o trânsito, o que não é função convencional.

Procurado, o comando da Guarda Municipal informou que não há greve de seus servidores e a operação carnaval acontece normalmente em toda a cidade, com agentes atuando na escala de serviço ordinário e no regime de cotas extras, ou seja, trabalhando também no dia de folga.

A GM também disse que as faltas em serviço estão sendo levantadas, mas que não chegam nem aos 2% do efetivo e que o número divulgado pela Frente Manifestante não corresponde à realidade.