Em live, Ciro pede para Duvivier 'amadurecer'; humorista diz que eleitores não devem votar no político

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Ciro Gomes (Foto: REUTERS/Leonardo Benassatto)
Ciro Gomes (Foto: REUTERS/Leonardo Benassatto)

Após trocas de farpas no Twitter, o pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, e o humorista Gregorio Duvivier finalmente debateram na noite desta sexta-feira (20) em transmissão ao vivo nas redes sociais.

No bate-papo, que teve momentos de tensão e falas duras de ambos, o pedetista teceu críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), primeiro colocado nas pesquisas de intenção de voto para o Planalto. Além disso, reafirmou que quer ser uma alternativa para quem não apoia a polarização entre o petista e o atual chefe do Executivo, Jair Bolsonaro (PL).

Por outro lado, Duvivier defendeu o petista e foi contra a forma com que Ciro ataca o adversário político. Ele ainda disse acreditar que Lula é o único que pode vencer o bolsonarismo, uma vez que ele está à frente do presidente nas pesquisas.

Ciro Gomes convidou Gregorio Duvivier para um debate após o humorista pedir, durante seu programa, para os eleitores votarem em Lula no primeiro turno das eleições presidenciais deste ano com o objetivo de “salvar a democracia”.

Em dado momento do debate, Ciro afirmou que Duvivier precisa “amadurecer”. “Você trouxe um roteiro de mágoas. Eu lhe chamei para fazermos a discussão e lhe avisei que se não houvesse, eu reagiria. Sabe por que? Porque pegou fogo. Você tem um milhão de visualizações, e não vou deixar você e nem ninguém fazer difamação e desqualificação em base de preconceito. Você precisa amadurecer um pouco”, sugeriu o político.

Em seguida, Duvivier disse que conversar com Ciro é “insuportável”, pois o pedetista não o deixava completar uma frase.

“Que isso? Que coisa desagradável, que pessoa desagradável. Sinceramente, eu não acho que seja justo você dizer que eu sou irresponsável. (...) Acho que são irresponsáveis as falas da sua campanha. A sua campanha tem sido antilulista de forma irresponsável”, argumentou o humorista.

Duvivier também afirmou que em momento algum falou que deseja que Ciro desista de se lançar candidato a presidente. O pedetista, então, falou: “Quer que os eleitores desistam de mim”. Sem rodeios, o comediante respondeu “exatamente”.

No final da transmissão, Duvivier agradeceu a oportunidade de dialogar com Ciro, e afirmou que, assim como o político, sonha por um Brasil sem Bolsonaro.

“Muito obrigado a você. Você não tinha nenhuma obrigação de aceitar isso [debater ao vivo]. É generoso e corajoso da sua parte, e revela o grande cara que você é”, finalizou o pré-candidato ao Planalto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos