Em local proibido, Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank são flagrados por delegado na hora H

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso (Foto: Ramón Vasconcelos/Globo)
Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso (Foto: Ramón Vasconcelos/Globo)

A estreia do "Quem Pode, Pod", podcast de Giovanna Ewbank e Fernanda Paes Leme, contou com a participação de Bruno Gagliasso nesta terça-feira (5). No papo, o ator falou sobre trabalho, a relação polêmica com o irmão, filhos e casamento. Bem-humorados, ele e Giovanna relembraram a separação de 2012 e como se reconciliaram de um jeito quente depois de dois meses.

Segundo o casal, a vontade de transar era tanta que acabaram sendo flagrados por um delegado na escada de emergência do condomínio do irmão de Giovanna. "A gente foi pra casa do seu irmão lá no Recreio, conversamos pra caramba, fomos para a escada e... ripa na xulipa. A gente estava empolgado. Estávamos dois meses sem se ver e se amando", iniciou Gagliasso.

Em seguida, ator afirmou que ele e a esposa já estavam sem roupa quando foram interrompidos pelo morador. "Saiu um cara armado, um delegado que morava no andar (...) Ouviu um barulho estranho e ficou confuso, né?", recordou o ator.

Giovanna contou que não transou dentro do apartamento do irmão pelo fato de só ter um quarto e ele estar lá, mas se culpou por ter feito muito barulho na escada de emergência. "A gente estava sem roupa, a escada abriu e nós dois pelados. O cara com uma arma. O Bruno duro, sem cueca, pedindo pelo amor de Deus. Nunca mais voltei no prédio do meu irmão", completou, aos risos.

Na época, Bruno e Giovanna se separaram por causa de uma traição do artista. No podcast, Gagliasso contou que buscou abrigo na casa de Fernanda Paes Leme até conseguir o perdão de Giovanna. Eles se falavam todos os dias, mas a atriz não queria ver seu rosto nem pintado de ouro. Certo dia, o ator saiu com os amigos e postou uma foto feliz. Ewbank ficou enciumada, topou encontrá-lo para uma conversa e o resultado foi a reconciliação com o sexo na escada de emergência.