Em Minas, Zema manda PM desobstruir vias: 'A eleição acabou'

Em Minas Gerais, onde há pelo menos 17 pontos de interditados por caminhoneiros nas estradas federais, o governador reeleito Romeu Zema (Novo) defendeu a abertura imediata das vias. Aliado de Jair Bolsonaro (PL) na disputa do segundo turno, ele publicou um vídeo no Instagram em que diz ter pedido às Forças de Segurança mineiras que procedam a liberação das rodovias.

Siga ao vivo: Polícia avançam em desbloqueios de estradas pelo país

Dia seguinte: Bolsonaro chega ao Palácio do Planalto e permanece em silêncio sobre vitória de Lula nas eleições

— Já solicitei às nossas Forças de Segurança que tomem as medidas necessárias para desobstruir qualquer via ou estrada que esteja interditada por manifestações. A eleição acabou e, agora, temos que assegurar o direito de todos de ir e vir, e também que as mercadorias cheguem onde precisa para não haver desabastecimento. Vamos cumprir a lei — afirmou Zema.

Segundo o último boletim da Polícia Rodoviária Federal de Minas, relativo às 11h20 desta terça-feira, são quatro pontos de interdição parcial e um total na BR-040, que liga o Rio a Belo Horizonte. Na via, os manifestantes fecham parte das faixas na altura dos quilômetros 794 (Juiz de Fora), 617 (Congonhas), 700 (Barbacena) e 511 (Ribeirão das Neves). Já na altura do quilômetro 668, em Candaraí, o bloqueio é total.

Nikolas Ferreira, Zambelli e Ricardo Salles: veja reação de tropa de choque bolsonarista após vitória de Lula

Bela Megale: Os recados de ministros do STF sobre o silêncio de Bolsonaro

Há interdições parciais também na BR-381, nos quilômetros 258 (Ipatinga) e 407 (Governador Valadares). Na BR-365, que atravessa o estado do Triângulo Mineiro à região de Montes Claros, a via está totalmente fechada no quilômetro 473, em Patrocínio, e parcialmente interditada no quilômetro 406, em Patos de Minas. A BR-262 está bloqueada em dois pontos: nos quilômetros 368 (Juatuba) e 694 (Araxá).

Há interdições parciais ainda nas BRs 050 (em Uberaba), 116 (em Muriaé) e 364 (em Frutal). Já a concessionária que administra a Rodovia Fernão Dias (BR-381, no trecho que liga as regiões metropolitanas de São Paulo e Belo Horizonte), também há fechamentos parciais nos quilômetros 485 e 486,3, em Betim, além do quilômetro 774,2, em Campanha.