Em prisão domiciliar, Roberto Jefferson recebe visitas e orienta troca de dirigente no PTB; ouça áudio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Em prisão domiciliar e proibido pelo Supremo Tribunal Federal (STF) de receber visitas, de se comunicar com o mundo exterior e de dirigir seu partido, o pré-candidato à Presidência do PTB, Roberto Jefferson, enviou áudios na manhã desta quinta-feira em que passa orientações ao diretório estadual do Rio Grande do Sul e diz ter recebido correligionários em sua casa.

Fachin agradece Pacheco: História vai diferenciar 'defensores da democracia' dos 'cúmplices do populismo autoritário'

Eleições 2022: Janones abandona candidatura e declara apoio a Lula

A última autorização judicial do STF para que Jefferson recebesse visitas, porém, ocorreu em 14 de fevereiro. Procurada, sua defesa não respondeu até a publicação desta reportagem.

Nos áudios enviados a dirigentes do partido e obtido pelo GLOBO, Jefferson lamenta a morte do presidente do diretório gaúcho, Edir de Oliveira, na manhã desta quinta-feira. Em seguida, ele pede a Elizandro Sabino, atual vice-presidente, que fique à frente do partido no estado.

— Eu peço ao Sabino que assuma a rédea do partido, por favor, lá no Rio Grande do Sul. O Sabino é um cristão, um homem heroico, um amigo com 'A' maiúsculo, também, corajoso.

Em outro momento do áudio, ele diz ter recebido uma visita no Rio de Janeiro de Oliveira, Sabino e da vereadora Tanise Sabino "anteontem", ou seja, na última terça-feira.

— Anteontem, depois da convenção nacional, ele veio para o Rio e veio aqui em casa com o Sabino e com a Tanise para me dar um abraço. Curioso, ele me deu um longo abraço e eu nele, ele me deu um beijo e eu dei nele, como se fosse um beijo de despedida, engraçado isso. Curioso — diz Jefferson.

No áudio aos correligionários do PTB, Jefferson também pede a Sabino que o represente no sepultamento de Edir.

— Então Sabino, eu quero te pedir que assuma a presidência do partido no Rio Grande do Sul e me represente nesse sepultamento, porque estou preso, rapaz, eu estou preso. Mas Sabino, eu peço a você que me represente, meu irmão, no sepultamento. Fale dele, dos momentos heroicos da vida dele, de coragem.

Procurado, Sabino confirmou que irá ficar à frente do diretório e que esteve com Jefferson na ocasião.

— Sou pastor evangélico. Fui orar e levar uma ceia para ele. Isso é uma prática que temos, não só em presídios, como também em outras situaçõe — disse Sabino ao GLOBO.

A decisão de Moraes impôs a Jefferson a "proibição de qualquer comunicação exterior, uma vez que permanece na condição de preso, inclusive sendo vedada a participação em redes sociais de sua titularidade, de interpostas pessoas ou partidos políticos", e "proibição de receber visitas sem prévia autorização judicial, salvo de seus familiares".

Atualmente, o PTB é presidido por Marcus Vinícius de Vasconcelos Vieira. Em novembro de 2021, o STF afastou Jefferson da presidência por seis meses. Ele estava preso sob suspeita de ter estimulado ataques às instituições democráticas. Na decisão, o ministro Alexandre de Moraes impôs que Jefferson ficasse afastado de qualquer influência que pudesse exercer sobre a legenda, devido à natureza dos crimes pelos quais ele responde.

Em janeiro de 2022, sua prisão foi convertida em domiciliar com tornozeleira eletrônica, desde que ele mantivesse as condições de não se comunicar com o exterior e não recebesse visitas sem autorização judicial.

Na convenção do PTB na última segunda-feira, Jefferson foi aprovado como pré-candidato à Presidência, mesmo havendo uma condenação contra ele pelo mensalão, em 2012, que o torna inelegível. No evento, ele enviou um vídeo e uma carta.

"O presidente de honra do PTB não tem acesso às redes sociais por decisão do STF e está proibido de conceder entrevistas sem autorização judicial, por isso não discursou na Convenção", disse nota publicada no site do PTB.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos