Em protesto contra reformas, manifestantes bloqueiam rodovias federais no Paraná

Da Agência Brasil

Manifestantes bloqueiam a BR-277, na altura do Km 69, em São José dos Pinhais, ParanáEric Zardo/Divulgação PRF

A greve geral convocada pelas centrais sindicais em protesto contra as reformas trabalhista e da Previdência fez com que, no começo da manhã de hoje (28), manifestantes bloqueassem rodovias federais no Paraná.

Segundo a Polícia Federal (PRF), na BR-277, em São José dos Pinhais, um grupo de pessoas fez um bloqueio no km 69, nas imediações da fábrica de automóveis Renault, prejudicando o tráfego de veículos.

Em Araucária, a BR-476 foi bloqueada por volta das 8h30 na altura do km 150, em frente à refinaria da Petrobras, causando um engarrafamento de 2 quilômetros. Em Mauá da Serra, na BR-376, o bloqueio ocorre no km 295, em frente ao Posto Bambu.

Outra interdição ocorre no km 406 da BR-158, em Laranjeiras do Sul. Segundo a PRF, cerca de 200 manifestantes do MST estão no local.
 

Bloqueio da BR-476, na altura do Km 150,  causa engarrafamento de 2 quilômetrosMárcio Adélcio/divulgação PRF

A PRF informou ainda que, até as 7h30, pelo menos 30 rodovias federais em todo o país estavam interditadas por causa das manifestações.