Em quatro municípios da Baixada, mais de 500 mil pessoas estão com ciclo vacinal atrasado

·4 min de leitura

Desde a semana passada, o Ministério da Saúde liberou a dose de reforço (terceira) da vacina contra a Covid-19 para quem tem mais de 18 anos e já tomou a segunda dose há, pelo menos, cinco meses. No entanto, em algumas cidades da Baixada Fluminense, muita gente ainda não retornou aos postos nem para completar a imunização.

Em São João de Meriti, 208.433 pessoas estão com a segunda dose atrasada. Em Belford Roxo, a quantidade de atrasados chega a 132.876, enquanto Nova Iguaçu registra 122.196 moradores que não retornaram para completar o ciclo vacinal. Em Duque de Caxias, 40.057 cidadãos estão atrasados, e cerca de 53 mil idosos acima de 60 anos ainda não tomaram a dose de reforço.

A dona de casa Maria de Fátima da Silva, de 62 anos, esteve na fila do "Busão da Vacina", na Praça da Vila Ideal, em Duque de Caxias, na última sexta-feira, para tomar sua dose de reforço. Ela, que soube da vacinação itinerante por uma vizinha, ficou mais de duas horas na chuva.

— Depois de tanta morte que teve, a gente tem que se prevenir. É muito importante. Temos que nos cuidar — afirmou Maria, que tomou a segunda dose em maio.

Maria, inclusive, perdeu uma irmã para a Covid-19, aos 51 anos de idade, e uma tia, de 66.

— Acho que deveria ter mais (vacinas), porque tem muita gente que ainda não se imunizou — diz.

Maria Aparecida de Góes, de 62 anos, também esteve no "Busão da Vacina", em Caxias. Ela admite que as longas filas a impediram de se imunizar na data certa:

— Eu já podia ter tomado antes, mas vi muitas vezes várias filas e não tomei.

Maria Aparecida reclamou da disponibilidade dos imunizantes na região onde mora, no bairro Engenho do Porto:

— Por aqui está difícil de darem vacina. As pessoas têm que sair para longe. Muita gente não pode. Dificulta, claro.

Já o motorista Reginaldo Cabral, de 66 anos, que também aguardava na fila pela dose de reforço disse que atrasou para tomar a vacina porque não teve disponibilidade.

— Não tive tempo de tomar antes. Vim porque é minha vida, minha saúde em primeiro lugar.

O motorista mora em São João de Meriti e trabalha em Duque de Caxias, e soube pelo chefe que estava acontecendo a vacinação na praça.

— Tem que vir tomar, quem não tomar pode prejudicar os outros também. Com a vacina a gente já fica mais prevenido. Se ninguém tomar é que não vai acabar mesmo essa epidemia.

Caxias

Em Duque de Caxias, a dose de reforço é aplicada em maiores de 18 anos, desde que tenha no mínimo cinco meses desde a segunda dose.

A vacinação acontece, das 8h às 15h, nos seguintes locais:

Hospital Municipal Duque

UPH Campos Elíseos

UPH Equitativa

UPH Imbariê

UPH Pilar

UPH Saracuruna

UPH Xerém

Durante todo o mês de novembro, as unidades de ESF - Estratégia de Saúde da Família e as UBS - Unidade Básica de Saúde também oferecem a primeira, segunda e terceira doses da vacina contra Covid-19.

Belford Roxo

Em Belford Roxo, a dose de reforço esta semana será aplicada em pessoas com idades entre 56 e 60 anos, de acordo com o calendário:

22/11 – 60 anos (de 8h às 17h)

23/11 - 59 anos (de 8h às 17h)

24/11 - 58 anos (de 8h às 17h)

25/11 – 57 anos (8h às 17h)

26/11 - 56 anos (8h às 17h)

27/11 - Repescagem – 56 anos ou mais – de 8h ao meio-dia.

A Secretaria Municipal de Saúde ainda não definiu a dose de reforço para todas as pessoas acima de 18 anos.

Nova Iguaçu

Por enquanto, Nova Iguaçu ainda não definiu o calendário de dose de reforço para todas as pessoas acima de 18 anos. O município disponibiliza a terceira dose para idosos que tomaram a segunda há pelo menos cinco meses.

São João de Meriti

O município de São João de Meriti vacina esta semana com a dose de reforço as pessoas acima de 55 anos que já tomaram a segunda dose há pelo menos cinco meses.

De segunda-feira (22) a sexta-feira (26): das 8h às 15h

Sábado (27): das 8h às 12h

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos