Em single, Tiago Iorc transforma discussão importante em marketing pessoal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Tiago Iorc exibe novo visual de cabelo raspado (reprodução/tiagoiorc/instagram)
Tiago Iorc exibe novo visual de cabelo raspado (reprodução/tiagoiorc/instagram)

Resumo da notícia:

  • Tiago Iorc reaparece na mídia com novo single chamado "Masculinidade"

  • Na letra, cantor transforma discussão importante em uma ação de autopromoção

  • Versos como "Seja bem bonzinho ou então vão te cancelar/Que complexo é esse? Mamãe, é você?!" deixam claro a pouca inspiração do compositor

Tiago Iorc está de volta. Após seguidos sumiços, o cantor reapareceu nas redes sociais nesta quinta-feira (11) com uma música nova chamada "Masculinidade". Na letra da canção, além de relembrar os últimos anos da sua carreira, o artista faz o desserviço de transformar discussões importantes em uma ação de autopromoção.

Logo nos primeiros versos, Iorc faz referência aos seguidos hiatos em sua carreira. "Eu tava numa de ficar sumido. Dinheiro, fama, tudo resolvido. Fingi que não mas na verdade eu ligo. Eu me achava mó legal. Queria ser uma unanimidade. Eu quis provar minha virilidade. Eu duvidei da minha validade. Na insanidade virtual", disse ele, admitindo a própria vaidade.

Leia também:

Relembrando: Tiago Iorc chegou a largar temporariamente a carreira musical em 2018. Após um ano afastado, ele retornou à mídia com a gravação do Acústico MTV, porém voltou a sumir meses depois, logo após brigar com o antigo empresário, Felipe Simas, e até mesmo com as integrantes do duo Anavitória, antigas parceiras de composição do cantor.

Dois anos após as polêmicas, Iorc reapareceu com novo visual, de cabelo raspado, como mostra o clipe abaixo, passando a imagem de "limpo e repaginado". Na música, como indica o título, ele lista vários problemas da masculinidade - o conjunto de regras estabelecidas pela sociedade para os meninos desde a infância. "Eu cuido para não ser muito sensível. Homem não chora, homem isso e aquilo", canta o autor de "Amei te ver".

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Sim, é louvável que uma música pop brasileira incentive homens a falarem sobre os seus próprios sentimentos. Não deixa de ser gratificante, também, ver uma obra de tamanho alcance abordar a influência maléfica da pornografia no comportamento dos homens em geral. O grande problema, neste caso, é quando as discussões caem na banalidade de versos tão pouco sinceros como os escritos por Iorc.

Obcecado pelo próprio aprendizado, Tiago Iorc praticamente pede para que o ouvinte o considere, nas suas próprias palavras, "mó legal". Ao falar de um problema que atinge a todos os homens, ele vai empilhando nos versos tudo o que aprendeu nos últimos tempos, mergulhando em assuntos profundos e se afogando no raso (outra sacada dele, aliás).

"A rejeição ensina cedo/Seja bem bonzinho ou então vão te cancelar/Que complexo é esse? Mamãe, é você?!", "Esse homem macho, machucado/Esse homem violento, homem violado/Homem sem amor, homem mal amado" são trechos tão carentes de significado que parecem os discursos de Fiuk ao choro sobre as minorias no Big Brother Brasil 2021. 

Com o mantra no refrão "Cuida, meu irmão, do teu emocional", Iorc repete insistentemente que encontrou o caminho do autoconhecimento e descobriu muito sobre o mundo. Caso quisesse soar mais sincero, o músico poderia ter se colocado como aprendiz e iniciado uma conversa importante com outros homens sobre masculinidade. Seria um gesto admirável.

Porém, em "Masculinidade", o cantor está mais para um mestre - mas um daqueles que não sabem ensinar. Na prática, ele acabou transformando o próprio sumiço e a discussão sobre gênero em uma ação de marketing. Pela recepção cheia de elogios ao artista, a fase "Homem Real" de Tiago Iorc tem tudo para ser um sucesso.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos