Empresa de maquininhas de pagamento terá opção de cashback em criptomoedas

·1 min de leitura
Foto: Reprodução da internet.
Foto: Reprodução da internet.
  • Em maio, a CloudWalk recebeu um aporte de US$ 190 milhões;

  • Com o recurso em caixa, a empresa quer buscar inovações e se expandir no Brasil;

  • Desse modo, a companhia pretende distribuir R$ 1 milhão por em criptomoedas.

A CloudWalk, empresa responsável pelas maquininhas de pagamento InfinitePay, recebeu o aporte de US$ 190 milhões em maio deste ano. Agora, com o recurso em caixa, a companhia visa diversas inovações e quer se expandir no mercado brasileiro.

Um dos setores é o de criptomoedas. Desse modo, a empresa pretende oferecer aos clientes uma nova afinidade com o crescente mercado dos ativos digitais. A ideia é estabelecer a opção de poder ganhar o cashback em criptomoedas.

Leia também:

Portanto, a CloudWalk pretende distribuir R$ 1 milhão por mês em criptomoedas para os consumidores que comprarem pelo aplicativo da companhia.

Com essa novidade, a maquininha de pagamento InfinitePay se torna, por enquanto, a mais favorável ao setor no país, sendo a primeira, e passando a frente do Mercado Pago, que estuda a mesma possibilidade futuramente.

A postura da CloudWalk é inspirada no Cash App, aplicativo e serviço de pagamento móvel criado pela Square, empresa fundada por Jack Dorsey, CEO do Twitter. A companhia foi uma das pioneiras na criação de uma divisão de criptomoedas, como forma de atender ao mercado e ter opção de pagamento com Bitcoin.

A InfinitePay afirma que o cashback em criptomoedas será em BRLC, ou seja, uma stablecoin desenvolvida pela empresa, a funcionar na rede Poligon e que poderá ser guardada em carteiras como a MetaMask.

Desse modo, os clientes que fizerem o pagamento com a maquininha poderão ganhar a criptomoeda atrelada ao Real e, futuramente, trocá-la por Bitcon, Ethereum, Dogecoin e USDC no aplicativo da empresa.

As informações são da Livecoins.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos