Empresário suspeito de feminicídio é preso em estacionamento no Mato Grosso

Empresário foi encontrado pela Polícia Civil em estacionamento no Mato Grosso. Foto: Divulgação Polícia Civil- MT.
Empresário foi encontrado pela Polícia Civil em estacionamento no Mato Grosso. Foto: Divulgação Polícia Civil- MT.

O empresário Abinadab Costa Moraes, de 24 anos, suspeito de matar a esposa e jogar no lixão, foi preso na noite desta sexta-feira (30), em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Após o crime ele fugiu com a filha de ambos de 1 ano e 6 meses e foi capturado em um estacionamento.

A justiça determinou a prisão de Abinadab nesta terça-feira (26), por feminicídio contra a esposa Ângela Rocha Pereira, de 22 anos, em Colniza, a 1.067 km de Cuiabá. Ela foi encontrada no último domingo (24) com sinais de perfurações de arma branca e queimaduras, em um lixão.

Segundo informações do UOL, o suspeito pretendia fugir do país com a filha para os Estados Unidos pela fronteira com o México. Ele teria recebido uma transação de R$15 mil reais de um irmão e um bispo brasileiro de uma igreja evangélica. O nome dele foi divulgado na lista vermelha do Interpol.

O empresário é indiciado por feminicídio, com agravamento de uso de meio cruel, ocultação de cadáver e prática na presença de descendentes (da filha). O UOL ainda informou que procurada a defesa de Abinadab não se manifestou.

A criança foi encaminhada para o Conselho Tutelar e espera a chegada dos avós maternos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos