Enfermeira é a primeira a ser vacinada contra a covid-19 na Bolívia

·2 minuto de leitura
Profissional de saúde mostra uma embalagem da vacina russa Sputnik V (Gam-COVID-Vac) no Hospital Japones (Hospital Japonês) em Santa Cruz, Bolívia, em 29 de janeiro de 2021

Uma enfermeira de 40 anos da cidade de Santa Cruz foi a primeira boliviana a ser vacinada contra a covid-19, no início de uma campanha de imunização para profissionais de saúde.

Sandra Ríos Villarte recebeu a primeira dose da vacina Sputnik V por via intramuscular e em 21 dias deverá receber a segunda.

Depois dela, dezenas de médicos e paramédicos receberam a vacina produzida na Rússia, país do qual a Bolívia comprou 5,2 milhões de doses.

"Me sinto bem, animada e ao mesmo tempo um pouco nervosa, mas positiva, não senti (a picada)", disse a enfermeira Ríos, após ser vacinada em um hospital público.

Um primeiro lote de 20 mil vacinas chegou ao país na quinta-feira, com destino à equipes médicas, e o restante chegará entre março e maio para campanhas massivas, gratuitas e voluntárias para a população adulta, segundo o Executivo.

O presidente boliviano, Luis Arce, esteve presente no início da vacinação e também receberá a vacina russa, embora não tenha dito quando.

Arce lembrou que, além da Sputnik V, seu governo também comprou outras cinco milhões de vacinas do Serum Institute of India (SII), que fabrica as do laboratório britânico AstraZeneca e da Universidade de Oxford.

Outros cinco milhões de doses da AstraZeneca/Oxford estão previstos por meio do dispositivo Covax, lançado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

As massivas campanhas de imunização fazem parte de um plano nacional de contenção da propagação do vírus que, de março de 2020 até hoje, infectou mais de 210 mil pessoas na Bolívia e deixou mais de 10.200 mortos, em uma população de 11,5 milhões de habitantes.

A Bolívia enfrenta uma segunda onda da pandemia, enquanto associações médicas profissionais exigem que o Executivo, governos e municípios declarem quarentenas rígidas para conter o vírus.

jac/fj/dga/jc