Arábia Saudita intercepta novo míssil lançado no Iêmen

(Atualiza com comunicado da coalizão árabe)

Riad, 31 mar (EFE).- A Defesa Aérea da Arábia Saudita interceptou neste sábado um novo míssil balístico lançado no Iêmen em direção à cidade de Yazan, no sudoeste do país.

A ação foi confirmada em um comunicado do porta-voz da coalizão militar liderada pela Arábia Saudita desde 2015 em apoio ao governo do presidente iemenita, Abdo Rabu Mansour Hadi, reconhecido internacionalmente.

O coronel Turki al Maliki explicou que "o míssil foi interceptado e destruído, o que fez com que alguns destroços caíssem em bairros residenciais, e um morador, indiano, ficou ferido".

Uma fonte militar dos houthis, citada pela agência de notícias iemenita "Saba", disse que seu grupo lançou o míssil de manhã em direção a um quartel da Guarda Nacional saudita na região de fronteira de Yazan e que o foguete causou mortes entre sauditas e danos materiais.

Este foi o nono míssil lançado pelos rebeldes houthis contra o reino wahhabista em uma semana.

Os ataques de rebeldes com uso de mísseis contra o território saudita se transformou em uma prática habitual nos últimos meses, mas na maioria dos casos não causou vítimas.

No entanto, na semana passada, destroços de um míssil que a Arábia Saudita alegou ter interceptado causaram a morte de um cidadão egípcio que vivia em Riad. EFE