Enfermeiros em greve em Inglaterra

Os enfermeiros estão em greve em Inglaterra. As paralisações de 12 horas de quarta e quinta-feira vão afetar 25 por cento das clínicas e hospitais do país, de fora ficam as urgências e os cuidados paliativos.

Os sindicatos reclamam um aumento de 5 por cento, acima do valor da inflação. O governo britânico recusa alegando que uma subida de dois dígitos nos salários do setor público vai criar um efeito bola de neve na inflação.

O executivo conservador aprovou um decreto-lei para instaurar serviços mínimos, o que também enfureceu os sindicatos que marcaram várias greves para 1 de fevereiro.