Enner Valencia supera nomes como Pelé e detém melhor aproveitamento em chutes da história da Copa do Mundo

Enner Valencia estufou as redes três vezes — embora o primeiro gol tenha sido anulado — na abertura da Copa do Mundo do Catar. Isso o fez atingir números surpreendentes. Por exemplo, o equatoriano superou Pelé e detém o melhor aproveitamento em chutes da história dos Mundiais.

Enner Valencia marcou em 50% das vezes em que chutou a gol em Copas do Mundo. O índice da taxa de conversão é o melhor entre atletas que tem cinco ou mais gols no torneio desde pelo menos 1966.

O líderes era o italiano, que também tem 50% de aproveitamento.

Enner Valencia também entrou para uma seleta galeria de artilheiros. Com os cinco tentos, ele igualou as marcas de Zico, Garrincha e Romário em Mundiais. Franz Beckenbauer, da Alemanha, é outro que detém essa marca.

Mas o atacante precisou insistir. Antes, após bola cruzada na área catari, o goleiro Al-Sheeb "catou borboleta" e Enner Valencia aproveitou para cabecear pro fundo das redes. Mas o VAR com a ferramenta de impedimento semiautomático anulou o tento.

Porém, nada o impediu de marcar o primeiro gol da Copa do Mundo do Catar. Enner Valencia abriu o placar de pênalti, minutos depois. Ele entrou para a seleta galeria de atletas que inauguraram as bolas nas redes em Mundiais.

Minutos depois, o atleta equatoriano também fez o segundo. Aproveitando cruzamento da direita, ele subiu mais que a defesa para cabecear com categoria. São cinco gols em Copas do Mundo somando com os dois marcados no Mundial de 2014, no Brasil.