Enteada de 15 anos é suspeita de matar o padrasto a facadas em SC

Enteada assassinou o padrasto com facadas (Getty)
Enteada assassinou o padrasto com facadas (Getty)
  • Enteada já foi presa

  • A adolescente vai responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio

  • No momento da ocorrência, os policiais encontraram a jovem perto da casa onde o crime ocorreu

Uma adolescente de 15 anos é suspeita de ter matado o padrasto, um homem de 47 anos, a facadas em Joinville, no Norte de Santa Catarina (SC). O caso aconteceu no sábado (10), mas a morte dele foi registrada no domingo (11).

Segundo a delegada Claudia Gonzaga, que está no caso, a adolescente justificou que agiu em legítima defesa e que havia sido xingada pelo homem, que não permitiu que ela saísse de casa.

Nesta segunda-feira (12), a Polícia Civil informou que a adolescente foi apreendida e encaminhada ao Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório da cidade.

Ainda de acordo com Claudia Gonzaga, a adolescente vai responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio. Ainda segundo a investigadora, a adolescente informou que o homem já havia tentado agredi-la.

Apesar de o flagrante do crime ter sido enviado ao Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), as diligências complementares ainda devem ser feitas.

A arma do crime, uma faca, utilizada no crime foi apreendida para ajudar nas investigações.

Segundo consta no relatório da Polícia Militar (PM), a adolescente agrediu o padrasto a facadas por volta das 18h50, no bairro Vila Nova, zona Oeste da cidade, no sábado. Ele havia sido encaminhado ao Hospital Municipal São José, em Joinville, e teve a morte confirmada um dia depois.

No momento da ocorrência, os policiais encontraram a jovem perto da casa onde o crime ocorreu. Aos militares, a adolescente também teria confessado o crime.

O homem tinha três passagens por tráfico de drogas, roubo a taxista e ameaça e agressão contra mulher, segundo a Polícia Militar.