Entenda como o surfista japonês que eliminou Medina começou a dominar a língua portuguesa

·1 minuto de leitura

Nada de tradutor virtual. As frases em português publicadas por Kanoa Igarashi, vencedor da bateria sobre o brasileiro Gabriel Medina na Olimpíada de Tóquio, ao desabafar e brincar depois de ter sofrido com brasileiros nas redes sociais são dignas de alguém que tem conhecimento prévio da língua.

Entre "chora chora q tou feliz! Hehehehe" e "eu fiz o meu melhor e pronto", o que algumas pessoas podem não saber é que o surfista é fluente em língua portuguesa e tem uma relação especial com Portugal. Em entrevista ao site "ONFIRE Surf", o atleta contou que viajou para o país pela primeira vez por volta dos 15 anos, para a disputa de um torneio em Cascais.

Criado na Califórnia, o surfista conheceu Tomás Fernandes e Pedro Coelho em Portugal. Depois que os amigos resolveram se comunicar apenas em português com Igarashi, ele se viu obrigado a aprender. Segundo ele, em menos de um mês já conseguia começar uma conversa. Desde então, desenvolveu uma relação com o país, onde tem até uma casa de frente para o mar.

Nesta quarta-feira, o atleta se manifestou até em português em tom de desabafo, após as primeiras declarações em tom de ironia por conta do controverso resultado.

Ainda na terça, a postagem "Chora chora q tou feliz! Hehehehe" de Igarashi, com ironia clara, recebeu mais de 11 mil respostas nos comentários.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos