Entenda as medidas tomadas por Rio e Niterói no combate à Covid-19 durante feriadão

Gilberto Porcidonio e Luiz Ernesto Magalhães
·1 minuto de leitura

RIO — Os prefeitos Eduardo Paes, do Rio, e Axel Grael, de Niterói, estão anunciando, no Teatro Popular Oscar Niemeyer, em Niterói, as decisões tomadas em conjunto para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus. As medidas começam a valer no dia 26 e terão validade por dez dias. Veja os principais pontos:

O comércio estará funcionando neste período?

Não, apenas as atividades essenciais, como farmácias e lojas de conveniência dos postos, supermercados e padarias sem consumo local.

Lanchonetes, bares e restaurantes poderão funcionar com entrega e sistema drive thru?

Sim. Apenas o consumo no local estará proibido.

As igrejas serão fechadas?

Não, mas terão limitações de lotação tanto em Rio quanto em Niterói.

Bares e restaurantes poderão estar abertos?

Não, incluindo os quiosques da orla.

As academias de ginástica poderão estar abertas?

Não.

E os shoppings?

Não poderão estar abertos.

E os jogos de futebol poderão ser realizados?

Não, assim como todos os eventos esportivos coletivos em Rio e Niterói. Os esportes individuais estão liberados.

Atividades físicas na areia poderão ser feitas?

Sim, inclusive no período de maior restrição.