Entenda as mudanças na Copa do Brasil 2021, que será afetada por datas Fifa

Igor Siqueira
·2 minuto de leitura
Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Ao publicar a atualização do calendário do futebol brasileiro para 2021, a CBF aproveitou para divulgar o novo formato da Copa do Brasil. A mexida é efeito cascata da alteração que a Conmebol fez na Sul-Americana, que passa a ter fase de grupos e ocupar mais espaço na temporada.

Como ponto de partida, a Copa do Brasil ficará com uma fase a menos, mas o número total de participantes salta de 91 para 92.

Um ponto relevante no cenário é que os clubes da Libertadores e os demais oriundos de torneios, como Copa do Nordeste, Copa Verde e Série B, não entrarão mais nas oitavas de final. E, sim, na terceira fase.

As duas primeiras fases seguem com jogo único. A CBF reservou duas datas para cada uma delas (3/3 e 10/3, para a primeira, 17/3 e 7/4, para a segunda) com o intuito de desmembrar a tabela e espalhar os jogos.

A competição começa com 80 times, 40 jogam a segunda fase e os 20 restantes se juntam aos 12 oriundos de outros torneios.

Contando que oito estarão na Libertadores e três serão campeões da Série B, Copa Verde e Copa do Nordeste, a CBF ainda precisa definir o critério para apontar esse 12º time. Essa lacuna será preenchida com a publicação do Regulamento Específico da Competição (REC).

Daí para a frente, o mata-mata prossegue, culminando com os dois jogos da final - ida e volta - dias 20 e 27 de outubro.

Há uma questão que não se resolveu no calendário 2021: o conflito entre torneios nacionais e datas Fifa.

O jogo de ida da terceira será impactado, pois ocorrerá na semama em que as seleções estarão treinando para rodada das Eliminatórias, em junho. Como a Copa América é em seguida, fatalmente os jogadores que estiverem com as respectivas seleções também perderão o jogo de volta da terceira fase.

O cenário é parecido com o que ocorrerá no jogo de volta das quartas de final. A depender da logística e do desgaste de jogadores, pode haver desfalque também na ida das semifinais, que será um dia após a segunda partida da data Fifa, em setembro.