Entenda por que não há mais ingressos para despedida de Fred após anúncio de 56 mil vendidos pelo Fluminense

Ao mesmo tempo que o Fluminense informou que não há mais ingressos à venda para a partida diante do Ceará, no próximo dia 9, que marca a despedida de Fred dos gramados, os torcedores tricolores estranharam. Afinal, se a carga da partida é de cerca de 65 mil nas arquibancadas, por que não há mais venda com o anunciado de que "apenas" 56 mil foram vendidos? O GLOBO procurou o clube e traz algumas explicações.

Bastidores do Fluminense: veja as últimas notícias e análises

Bola de Cristal: chances de título, queda e de vitórias do seu time no Brasileiro

Primeiramente, porque não ter mais ingressos à venda é diferente de ingressos esgotados. Explica-se. Neste número de 56 mil ingressos vendidos divulgado pelo Fluminense, não está contabilizado os bilhetes de gratuidades, visitantes, cativas, tribuna e camarotes. Somando todos esses, a carga total chegará aos 65 mil.

Ou seja, todos os ingressos que podem ser vendidos diretamente pelo Fluminense estão esgotados. Por isso o comunicado e uso do termo "não há mais ingressos à venda". E não "esgotados".

Mas 65 mil de carga total é baixo? Não. Por exemplo, a final do Campeonato Carioca de 2022, entre Fluminense e Flamengo, teve público presente de 67.754. O recorde do novo Maracanã é de Flamengo x Palmeiras, onde os rubro-negros foram torcida única. A público foi de 69.997 .

É importante dizer também que há chance — remotas, claro — de os ingressos voltarem a serem comercializados pelo clube. Como? Com os bilhetes retornando para o sistema via sistema de antifraude ou cartões de créditos que não foram aprovados. No entanto, as chances disso acontecer são muito pequenas.

Outro motivo que explica a venda e o fato de o clube evitar o termo "esgotado" é que sequer começou a venda para a torcida do Ceará. Foi solicitados 1.500 ingressos pela diretoria cearense, mas o bloqueio da área para segurança também toma parte da arquibancada. Não há possibilidade de deslocá-los para outra região do estádio.

Ao mesmo tempo, a torcida tricolor garante o seu novo recorde de público no Novo Maracanã — contagem dada desde a reabertura do estádio, em 2013. A despedida de Fred irá superar os 53.237 que acompanharam ao empate em 1 a 1 com o Corinthians, na Copa Sul-Americana de 2019. A conta, claro, desconta clássicos.

O Fluminense também informou que são mais de 40 mil ingressos vendidos para a partida diante do Corinthians, neste sábado, às 16h30 (de Brasília), no Maracanã.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos