Equatoriano Luis Segovia chega ao Rio nesta segunda para assinar com o Botafogo

Segundo reforço do Botafogo para a temporada 2023, o zagueiro equatoriano Luis Segovia chegará ao Rio de Janeiro na próxima segunda-feira para realizar exames médicos e assinar com o alvinegro. Assim como Marlon Freitas, anunciado na última sexta, Segovia chega ao clube sem custos de transferências. O contrato do jogador com o Independiente Del Valle, onde esteve por quatro temporadas, terminou em 31 de dezembro.

Bicampeão da Copa Sul-Americana, incluindo a edição de 2022, quando o Del Valle venceu o São Paulo na final, Segovia chega ao Botafogo com o trunfo de ser um defensor versátil. Canhoto, pode atuar também como lateral-esquerdo.

Em quatro temporadas pelo Del Valle, o zagueiro equatoriano fez 143 partidas, sete gols e deu três assistências. Além dos títulos da Sul-Americana, Segovia também conquistou a Liga do Equador uma vez.

Com a contratação, o Botafogo praticamente resolve as vagas para zagueiro. Cuesta, titular em 2022, disputa a vaga com Segovia no lado esquerdo, e Adryelson, também titular na última temporada, com Philipe Sampaio no direito.

Além de Marlon Freitas e Segovia, o Botafogo também fechou o empréstimo do atacante Carlos Alberto, de 20 anos. Revelado pelo América-MG, o jovem perdeu espaço no time de Vagner Mancini na última temporada. A contratação é considerada uma aposta no alvinegro, que tem a opção de compra no valor fixado de um milhão de dólares (cerca de R$ 5,3 milhões). A informação do acerto foi dada inicialmente pelo 'Canal do TF'.

Quem também deve se reapresentar ao clube na segunda-feira é o argentino Joel Carli. O clube e o zagueiro ainda não oficializaram a renovação contratual, mas ambas as partes tratam tudo com normalidade. Fontes ouvidas pelo EXTRA afirmam que a situação é "simples de resolver".

A princípio, Carli assinará com o Botafogo um contrato de seis meses para que possa encerrar a carreira no clube. Posteriormente, são grandes as chances de que o argentino exerça algum cargo no clube. Adaptado ao Rio, assim como toda sua família, o argentino, por conta própria, deu entrada na documentação para se tornar cidadão brasileiro no ano passado.