Erdogan viajará à Arábia Saudita pela primeira vez desde o assassinato de Khashoggi

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Hatice Cengiz em frente a um retrato de Khashoggi em Washington em 2 de outubro 2021 (AFP/نيكولاس كام) (نيكولاس كام)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, viajará oficialmente para Riade na quinta-feira (28), pela primeira vez após o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi em um consulado saudita em 2018, informou um funcionário turco que pediu anonimato à AFP.

Será a primeira visita do líder turco à Arábia Saudita desde o crime, que denunciou em um primeiro momento.

Erdogan, que iniciou nos últimos meses uma série de encontros oficiais com os principais líderes da região, anunciou sua visita ao reino saudita em 3 de janeiro.

Mas não atualizou com novas informações.

A Turquia, que começou o julgamento de 26 suspeitos sauditas após a morte de Khashoggi em julho de 2020, encerrou o caso em 7 de abril e o devolveu à Arábia Saudita, para revolta das organizações de direitos humanos.

fo-ach/sg/mis/mb/gf

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos