Escola propõe pintura de mandalas para recuperar o foco após o recreio

·1 min de leitura

RIO — Suor, agitação e adrenalina nas alturas. Para resgatar a concentração dos alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental após o recreio, o Centro Educacional Miraflores, em Laranjeiras, desenvolveu uma estratégia em cores. Os professores colocam música de meditação, estimulam a respiração consciente e propõem que eles pintem mandalas com temas variados, que mudam semanalmente e vão de Halloween a Dia de Ação de Graças.

— A pintura é um processo contínuo, para criar o hábito, sete minutos por dia. A proposta é que eles se reorganizem e voltem ao momento presente — explica Sônia Teixeira, psicopedagoga do Miraflores.

Aluna do 4º ano, Mariana Gonçalves Sparapani Machado, de 10 anos, diz que a atividade a ajuda a focar e a relaxar:

— Você esquece tudo e consegue se concentrar na próxima atividade.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos