Com show gratuito de Geraldo Azevedo, Escola Sesc abre programação 2020

Karina Maia

RIO — Dizem que é quando o carnaval acaba que o ano começa. Mas quem é carioca sabe que a festa só muda de cenário. Após a maratona de blocos e desfiles na Sapucaí, o Espaço Cultural Escola Sesc abre a programação 2020, no dia 7de março, com show gratuito de Geraldo Azevedo.

Leia mais:

Nomeado “Prelúdio”, o projeto de abertura das atividades do espaço investe em diferentes manifestações culturais, inserindo Jacarepaguá na agenda cultural do Rio.

— O bairro não está no principal eixo artístico da cidade. Então, tentamos abrir uma programação gratuita e de qualidade, trazendo tanto novos artistas como os já consagrados, para os nossos alunos e os moradores do entorno — explica o curador, Guilherme Lopes.

Durante todo o mês de março, o projeto pretende preparar o público para o que está por vir este ano: diversidade. O cantor e compositor pernambucano inaugura o programa com o repertório do álbum “Solo contigo —Ao vivo”. Ainda no dia 7, a mostra fotográfica “Jovens olhares” expõe o resultado de uma oficina de fotografia ministrada por profissionais da Cidade de Deus exclusivamente para jovens da comunidade.

— Também somos uma escola. Por isso, a ideia é envolver nossos alunos e torná-los parte do circuito — diz Lopes.

Ao longo deste mês, as atividades incluem outras atrações musicais, como o cantor Rubel e o trio Pietá. Teatro, exposições e sessões de filmes também estão programados.

—Teremos o espetáculo “A invenção do Nordeste”, com o grupo Carmin representando o Nordeste, e sessão do documentário “Favela é moda”, que finaliza a trilogia do diretor Emílio Domingos sobre o cotidiano na periferia, após os filmes “A Batalha do Passinho” e “Deixa na régua” — diz .

A programação completa pode ser consultada no site da Escola Sesc da Ensino Médio, na página escolasesc.com.br/espaco-cultural/.

Outra estratégia de interação é promover bate-papos entre público e artistas após cada apresentação, sempre que possível:

—Tentamos sempre trazer manifestações culturais de diferentes partes do Brasil. O bate-papo é uma oportunidade de troca de visões e ideias incrível.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)