Espanha acaba com quarentena para viajantes da Argentina, Brasil e Colômbia

·1 minuto de leitura
Dezenas de pessoas fazem fila para receber uma dose da vacina Janssen contra o coronavírus em 7 de julho de 2021 em Barcelona

A Espanha retirou a obrigação de quarentena para viajantes do Brasil, Argentina, Colômbia, Bolívia, Namíbia e África do Sul a partir desta terça-feira (24), no âmbito do relaxamento das medidas contra o coronavírus.

A medida do governo que tornava obrigatória a quarentena aos viajantes desses países, imposta pela primeira vez em 23 de julho e depois estendida até 23 de agosto, não foi renovada no Diário Oficial do Estado, apurou a AFP.

“Desde 24 de agosto de 2021, as condições de entrada de viajantes do Brasil na Espanha foram flexibilizadas, sem a necessidade de quarentena”, pôde-se ler na página do consulado espanhol em Salvador, Bahia.

Mesmo assim, "os passageiros não vacinados devem passar por um teste de diagnóstico para entrar na Espanha", disse o comunicado.

Na mesma página foi especificado que, embora a lista de brasileiros que podem ir ao país europeu tenha sido ampliada, “casais não registrados de europeus e parentes de brasileiros com autorização de residência na Espanha ainda não podem entrar na Espanha”.

As medidas foram implantadas no momento que esses países eram considerados de "alto risco" devido aos seus altos níveis de contágio.

Entre os países mais populosos da União Europeia, a Espanha é o que apresenta a maior taxa de vacinados completos, com 66,4%, só superada no bloco por Malta, Bélgica, Portugal e Dinamarca.

al/es/ap/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos