Espanha aprova vacina contra Covid-19 da AstraZeneca para pessoas de 18 a 55 anos

·1 minuto de leitura
.

MADRI (Reuters) - A Espanha aprovou a vacina contra coronavírus da AstraZeneca para pessoas de 18 a 55 anos nesta sexta-feira, o que fez dela o país mais recente a limitar o medicamento a pessoas mais jovens devido à falta de dados sobre seu uso entre idosos.

A Itália também recomenda seu uso preferencial para adultos de 55 anos para baixo, enquanto Alemanha, França, Áustria e Noruega só a administrarão a pessoas de menos de 65 anos.

Separadamente, Madri confirmou nesta sexta-feira o primeiro caso regional da variante brasileira da Covid-19, e o Ministério da Saúde nacional disse não estar ciente de outros casos da linhagem altamente contagiosa no território espanhol.

Autoridades catalãs anunciaram o segundo caso conhecido da variante sul-africana na Espanha na quarta-feira, um dia depois de o governo restringir as viagens aéreas com o Brasil e a África do Sul para conter a disseminação das novas variantes destes países.

Uma terceira onda de infecções de Covid-19 está desacelerando, e a taxa de incidência de 14 dias da Espanha caiu de 900 casos para cada 100 mil pessoas no final de janeiro para 751 casos nesta sexta-feira – mas autoridades dizem que a chegada das novas linhagens pode provocar um recrudescimento.

O Ministério da Saúde registrou 28.565 casos novos nesta sexta-feira, o que coloca o total acima de 2,94 milhões, e o número de mortes subiu 584 e chegou a 61.386.

(Por Nathan Allen e Graham Keeley)