Espanha autoriza segunda dose de vacina da Pfizer para pessoas que receberam primeira da AstraZeneca

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ministério da Saúde da Espanha autorizou nesta terça-feira (18) que pessoas com menos de 60 anos já vacinadas com uma dose do imunizante da AstraZeneca possam receber uma segunda dose da vacina da Pfizer.

A decisão ocorre após uma trombose (coágulos) aparecer em pessoas que receberam o imunizante da AstraZeneca, efeito colateral extremamente raro. Os coágulos são considerados um possível efeito desta vacina.

Segundo o jornal espanhol El Pais, um estudo do Instituto de Saúde Carlos III, divulgado nesta terça, mostrou que a mistura de doses dos imunizantes dos diferentes fabricantes é segura.

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA), porém, ainda recomenda que a imunização seja finalizada com as duas doses do mesmo imunizante.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos