Especialista em saúde afirma que ‘óleo de coco é um veneno’

O óleo de coco atingiu o auge da sua popularidade em 2015, quando foi considerado o superalimento da moda, que podia ser consumido sem culpa e oferecia uma infinidade de nutrientes.

No entanto, de acordo com a Dra. Karin Michels, especialista no assunto, o óleo de coco é, na verdade, “um dos piores alimentos que você pode consumir”.

“O óleo de coco é puro veneno,” disse ela, durante uma palestra intitulada “Óleo de Coco e outros Erros Nutricionais” na Escola de Saúde Pública T.H. Chan, de Harvard, no mês passado.

Especialista em saúde afirma que o óleo de coco não é nem um pouco saudável. Fonte: Getty

Contrariando a crença popular de que ele é um dos óleos mais saudáveis que existem, Karin afirmou que este certamente não é o caso, e inclusive recomendou que as pessoas evitem o seu consumo.

Recentemente, a Associação Americana do Coração (AHA) alterou suas diretrizes nutricionais em relação ao óleo de coco, reconhecendo o alto nível de ácidos graxos saturados que ele contém, algo que pode ser comprovado pela maneira como ele se mantém sólido em temperatura ambiente.

Karin explica que estes ácidos graxos saturados também têm o potencial de obstruir as artérias coronárias, motivo pelo qual os profissionais de saúde não são seus fãs.

Para cozinhar, os especialistas recomendam usar o azeite de oliva ou o óleo de canola como alternativas, já que eles contêm mais ácidos graxos insaturados.

A recomendação é de que as pessoas evitem os altos níveis de ácidos graxos saturados presentes no óleo de coco. Fonte: Getty

Apesar disso, se você aprecia o óleo de coco e tem dificuldade de eliminá-lo completamente de sua alimentação, a melhor solução é moderar a frequência de consumo e reduzir as porções.

Quanto a outros alimentos, como o açaí e o matcha, que também foram classificados como “superalimentos”, Karin disse apenas que seus nutrientes podem ser obtidos de forma suficiente por meio do consumo de alternativas mais acessíveis, como cenoura, cereja e damasco.

Eliza Velk