Estádios italianos vão reabrir progressivamente, diz ministro dos Esportes

·1 minuto de leitura
Um máximo de 1000 espectadores foram permitidos nos estádios italianos desde o último domingo

O ministro dos Esportes da Itália, Vincenzo Spadafora, declarou nesta quarta-feira que os planos para a reabertura progressiva dos estádios de seu país estão prontos para serem aprovados, quase sete meses após o início da pandemia do novo coronavírus. 

"Amanhã (quinta-feira), um novo protocolo para uma reabertura progressiva dos estádios deverá ser aprovado por unanimidade" pelas autoridades regionais, explicou Spadafora ao Parlamento. 

O protocolo "será então submetido à Comissão Científica e Técnica nesta sexta-feira, para reabrir de forma gradual e segura todas as competições esportivas e não apenas o futebol", acrescentou o ministro.

Desde domingo, os eventos esportivos ao ar livre podem ser disputados para um máximo de 1.000 espectadores na Itália. 

Spadafora destacou que a reabertura total dos estádios "ficará claramente para mais adiante". 

Já o vice-ministro da Saúde, Pierpaolo Sileri, declarou que, na sua opinião, "os estádios podem abrir para até um terço da sua capacidade normal". 

"O estádio Olímpico de Roma pode abrir seus portões para 25 mil torcedores", disse o vice-ministro à rádio Rai 1.

ea/td/dr/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos