Estado do Rio retoma empréstimos consignados aos servidores

Extra
·1 minuto de leitura

Os servidores do Estado do Rio de Janeiro ficaram quase um ano sem ter acesso a consignados — modalidade de crédito com juros mais baixo e descontado direto da folha de pagamento —, após a saída da empresa que fazia o controle dos lançamentos nos contracheques. Agora, o Estado do Rio, por meio da Casa Civil, anuncia a volta desses empréstimos. Com isso, cerca de 410 mil servidores ativos, inativos e pensionistas serão atendidos.

O novo sistema começa a ser implantado já na próxima segunda-feira (05), a fim de possibilitar crédito a partir de maio. A empresa vencedora foi a Zetra, que teve a maior pontuação em relação a todos os requisitos técnicos exigidos pelo Estado no Termo de Referência. Fundada há 20 anos, a companhia é a empresa líder no segmento de benefícios consignados no Brasil e atende a 400 clientes públicos, como STF, STJ, Marinha, Aeronáutica, Exército, Infraero, além de empresas privadas. O sistema eConsig da Zetra é responsável pela gestão de cerca de R$ 60 bilhões em consignados no país.

Leia também:

A medida, realizada de forma emergencial, foi concretizada para que o serviço fosse retomado o quanto antes. Por isso, o contrato da Zetra terá duração de apenas seis meses. Durante esse período, ela deverá concorrer a um processo licitatório para a escolha da empresa que vai gerir o crédito consignado de maneira definitiva.